Atenção: este site/dominio não será mais atualizado, para acessar o conteúdo do site da Unespar - Campus Campo Mourão, acesse: campomourao.unespar.edu.br

Skip to content
Você está aqui: Início
Mais de 400 trabalhos são apresentados no Encontro Pibid da Unespar Imprimir
06/07/2015
Nesta sexta-feira e sábado, 3 e 4, a Universidade Estadual do Paraná (Unespar) realizou, em Campo Mourão, o VI Encontro e II Seminário do Pibid. O evento contou com a apresentação de 418 trabalhos divididos em painéis, comunicações orais, exposições de material didático e oficinas. Todos são resultados das ações desenvolvidas por alunos e professores bolsistas do programa nos sete campi da universidade e em escolas públicas de Apucarana, Campo Mourão, Curitiba, Paranaguá, Paranavaí e União da Vitória.

Como explica a coordenadora institucional do Pibid, professora Marcia Stentzler, o evento constitui a principal atividade para reunião das licenciaturas da Unespar. “Temos um número expressivo de participantes e durante a programação os bolsistas têm a oportunidade e o privilégio de discutir, refletir e pensar aspectos sobre a formação docente e sobre as práticas didático-pedagógicas”, comenta.

O pró-reitor de Ensino de Graduação da Unespar, professor Mário Cândido Athayde Júnior, enfatiza que o evento tem característica de congraçamento. “Esta edição está sendo custeada exclusivamente com recursos da reitoria, por acreditarmos no Pibid e pelas ações serem uma demonstração do que a universidade tem realizado em todas as regiões do Paraná”, pontuou.

Abertura – Durante a abertura, o reitor da Unespar, professor Antonio Carlos Aleixo, argumentou que o evento é motivado por um programa que apóia a formação de professores e professoras e apresentou uma preocupação para com os cursos de licenciatura. “No ano passado formamos 763 licenciados na Unespar. Pedi ao pró-reitor de Ensino de Graduação, professor Mário, para que neste ano amplie a quantidade de formação em, no mínimo, 15% em relação ao ano passado. Estou temeroso de que toda a história da greve tenha afastado o número de educadores e de estudantes da educação da sala de aula. Nós, a Unespar, formamos trabalhadores da educação para todo o Paraná e, especialmente, para os estados de Santa Catarina, São Paulo e Mato Grosso do Sul em diversas áreas”, detalhou.

Nesta edição, o tema central foi “Formação de Professores em Movimento: múltiplos espaços”. A palestra de abertura, proferida pelo professor doutor José Carlos Libâneo, reuniu cerca de 900 pessoas, na noite de sexta-feira, 3, no Celebra Eventos.

Durante a exposição, Libâneo falou dos embates atuais sobre objetivos e formas de funcionamento da escola e a formação profissional de professores. Para isso, abordou questões sobre o que entende por educação pública, as funções sociais e pedagógicas da escola partindo da experiência de 50 anos que possui com a docência e das pesquisas que realiza sobre o assunto no país.

Para Libâneo, o que tem ocorrido no país é uma ampliação do ensino para menos. Ao explicar, destacou que 96% das crianças e jovens em idade escolar estão atendidos. No entanto, ainda é grande a desigualdade social e escolar existente no país. Para ele, a principal missão da escola é pedagógica. Portanto, é necessário que as escolas desenvolvam as capacidades intelectuais dos alunos por meio dos conteúdos.
 
< Anterior   Próximo >

Links

Online

Nós temos 1 visitante online