Skip to content
Você está aqui: Início
  • audiencia
  • especializoca
  • pic_2017
  • Matematica_2017
  • Bom_negoio
Grupo de Pesquisa (GEPEDIC/CNPq) recebe doutoranda em intercâmbio Imprimir
16/02/2017

O Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação, Diversidade e Cultura (GEPEDIC/CNPq), UNESPAR/Campus de Campo Mourão, recebe entre os meses de fevereiro e abril a doutoranda Melida Paola Frye Cordoba, para estágio de pesquisa, interlocuções e trocas de experiências. A estudante é de Bogotá, na Colômbia, e há um ano está no Brasil cursando Doutorado no Programa de Pós-Graduação em Letras - Estudos Literários (PPGL), na Universidade Estadual de Londrina (UEL). Melida Paola veio para o Brasil, mediante convênio entre as universidades latino-americanas, para cursar o doutorado, e nesse intercurso está realizando estágio de pesquisa em grupos que tratam dos Estudos de Gênero, diversidade, masculinidades e feminilidades, como é o caso do GEPEDIC que a está recebendo. Mestre em Literatura pela Universidade Pedagógica y Tecnológica de Colômbia (2015); licenciada em Educação Básica com ênfase em Humanidades e Língua Castellana, a doutoranda atua como professora na área de Letras na Colômbia.

Na noite do dia 14/02, a doutoranda fez uma participação no Grupo de Estudo e Pesquisa (GEPEDIC) discutindo a temática Historia de trajes y travestismo en el armario de ‘Orlando’, de Virgínia Woolf, com tradução de Jorge Luis Borges, objeto de pesquisa em sua dissertação de Mestrado, e ainda compartilhou com os (as) participantes suas experiências de estudo no Brasil, defendendo a importância do amplo acesso às universidades públicas, uma vez que na Colômbia são raras as universidades que oferecem ensino gratuito.

As líderes do GEPEDIC, professoras Claudia Priori e Fabiane Freire França, dos Colegiados de História e Pedagogia, respetivamente, em conjunto com a professora Wilma dos Santos Coqueiro, professora do Colegiado de Letras, recepcionam a doutoranda Melida Paola, e destacam a satisfação e relevância em recebê-la nesse intercâmbio, pois isso contribui para a interlocução entre pesquisadoras, pesquisadores e integrantes do grupo, aprimoram as discussões teórico-metodológicas, e favorece o contato com novas ideias, culturas e perspetivas diversificadas acerca da educação, diversidade e cultura, bem como dos Estudos de Gênero.

 
< Anterior   Próximo >

Links

Online

Nós temos 9 visitantes online